SEGUROU E PROTEGEU!

Lembro a primeira vez que entrei em um ônibus. Era garotinho, tinha o privilégio de passar debaixo da catraca e não pagar. Estava assustado, aquele monte de gente diferente me olhando. O ônibus faz aquela arrancada e, com tantas mãos estendidas pra eu me segurar (porque ia cair), vi uma mão conhecida, a mão da minha mãe. Pude agarrar naquela mão e me sentir seguro e protegido.

Na hora do perigo, ou da morte, costumamos a pegar muitas coisas. Mas, sem passar por isso, necessitamos de algo pra segurar ou proteger. Uma criança com medo do escuro da noite, também segura seu ursinho pra sentir segurança. Em vários momentos do dia, sem pensar, estamos segurando algo, nos protegendo de cair. Um corrimão, uma mão ajudadora, uma alça…

Buscamos aquilo que nos dá segurança para sentirmo-nos seguros e protegidos. Sempre!

Se você soubesse que morreria daqui a 5 segundos, o que você seguraria? Seus filhos e netos como última tentativa de protegê-los? Protegeria o rosto segurando a cabeça? Geralmente nessas horas seguramos o que é mais importante pra gente. A pergunta que faço hoje é: o que segurar? Mesmo em vida, o que temos no coração, em primeiro lugar, que na hora do medo corremos e seguramos? O que protegeremos numa situação dessas?

Há muitos anos atrás, teve um acidente aéreo em Manaus. Um avião da Varig teve problemas e o combustível era insuficiente para chegar em um aeroporto. Sabendo que o avião iria cair a qualquer momento, o piloto pede para o copiloto esvaziar o resto de combustível da aeronave. Na queda, mesmo com pouco combustível, o avião poderia pegar fogo. Uma turbina para de funcionar e o piloto com 26 anos de experiência avista uma clareira na mata e avisa a torre: “iniciando pouso forçado”. O Piloto deu as informações e coordenadas do pouso para serem localizados. Porém, o piloto faz a coisa mais crítica de sua carreira: avisar a tripulação.

“Atenção senhores passageiros. Estamos com um problema na aeronave. Afivelem-se que iniciaremos um pouso forçado”.

Gritos, desespero e pânico. Não é pra menos, não é? O copiloto solta o restinho de combustível da aeronave antes descer na clareira da mata. Porém, a clareira era um lugar acidentado com rochas e grandes arvores. Dos 128 à bordo, apenas 7 sobreviveram.

No livro que li sobre essa história trágica, o piloto sobreviveu. Ele relata que várias pessoas morreram segurando bolsas, almofadas. Porém, um tripulante morreu de maneira estranha. No fundo da aeronave tinha um sanitário feminino. Esse senhor de nacionalidade japonesa, morreu trancado dentro desse banheiro. Morreu segurando com braços e pernas uma pasta cheia de dinheiro. Investigações constataram que aquele dinheiro era proveniente de propina de madeiraras e mineração de ouro em Roraima. Ele havia recebido aquele dinheiro, e até o fim se segurou no que era mais importe para ele. Segurou e protegeu!

Como a vida passa a ser mesquinha nessas horas. Pra que glórias, dinheiro, fama, casa, carros diante da morte?

Em qualquer situação do seu dia, você precisará se segurar ou se proteger. A mão salvadora do Mestre está estendida sempre. Mas, só teremos a reação e reflexo de nos segurar em Cristo, se ELE vier em primeiro lugar na nossa mente como recurso em tudo. Muitas coisas, muitos valores e luxúria têm nos afastado de alcançar as coisas dos céus!

Deus tem sido importante em sua vida a ponto de você abandonar o seu EU INTERIOR e confiar que o Mestre te livrará e te cobrirá com as Santas Asas?

Oremos a cada dia para nos segurar no nosso Libertador. Na cruz, ELE nos manteve seguro e nos protegeu da morte eterna. Segurou e protegeu!

Eis que a mão do Senhor não está encolhida, para que não possa salvar […] Isaias 59:1

A decisão de se segurar é sua!

Com estima cristã,

Roberto Passos

Assista ao clipe “Abrigo em Meio ao Temporal”- Arautos do Rei:

The following two tabs change content below.
Nasceu em São Paulo, na cidade de Barueri. Atualmente reside na cidade de Cotia, próximo da Grande São Paulo. Destacou-se com a qualidade de diversos trabalhos na internet por seu profissionalismo e dedicação. Apesar do bom conhecimento da área de web, Roberto Passos é um designer gráfico que atualmente administra sua empresa em São Paulo, oferecendo serviços Gráficos e Digitais para todo o território nacional. Roberto é adventista de berço, membro da IASD localizada no bairro de Pinheiros - SP, amante da música sacra e pianista. E-mail: sdmidia@sdmidia.com.br

Latest posts by Roberto Passos (see all)

Receber lindas mensagens do site